terça-feira, 5 de janeiro de 2010

Retrospecção: Porque é necessário relembrar para seguir adiante..

Ali, na frente de tantas pessoas eu dançava. Uns comemoravam a chegada de 2009, mas eu só dançava. Via outros pulando, mais alguns orando, tantos outros se abraçando..eu apenas dançava.

Havia um vazio enorme no meu peito e mais nada fazia sentido. Não tinha sentido permanecer numa igreja em que eu não conseguia olhar para o lado sem julgar ninguém(certa ou errada). Não fazia sentido ter uma "missão" que não era apoiada. Não fazia sentido ter "líderes" que não sabiam para onde ir, muito menos para onde me guiar. Não fazia sentido permanecer dançando conforme a música como uma marionete, ou fazer parte de um grupo de "adoradores" que deixavam Deus em último lugar, quando Ele deveria estar em primeiro..o astro deveria ser ele, não? Não fazia sentido abrir mão de uma vida inteira , no auge da minha juventude, por Deus e por outras pessoas também, sendo que Ele não estava mais em primeiro lugar..e nada fazia sentido. Os acontecimentos me levariam a acreditar que tudo o que eu vivi foi uma farsa, mas eu sabia que não era. Tinha algo real nas palavras sobre Deus que eu ouvi. Tinha fé, mas meu medo, dúvidas, vazio e solidão abafavam cada milímetro que restava dela. Difícil de explicar, assim como foi/ é difícil de viver ..

Naquela noite, na virada de 2008 para 2009, eu decidi largar tudo o que tinha agarrado. Tudo, o que a tanto custo, eu decidi acreditar. Abandonei tudo o que me sufocava: igreja, amigos, dança, namorado, convicções..cada coisa com sua "justificativa" particular.

Seguiu-se 2009: o ano dos desastres! Eu poderia listar (e listei diversas vezes, mas no fim rasguei folha por folha) um série de acontecimentos que fizeram de 2009 um dos piores, senão o pior, ano de todos! Mas, que bem traria? Nenhum. De todas as formas que eu tentei passar para o papel essa "retrospectiva", nenhuma ficou longe da murmuração e tosquice(merecidamente), então me desculpem os religiosamente corretos.

Que tal irmos às lições? O melhor é falar sobre o que eu aprendi, ou passar isso em forma de dicas, sei lá...

  • Sempre que não se sentir satisfeito com alguma coisa, MUDE! A mudança produz satisfação. O processo é lento e dolorido, e trás cicatrizes que você vai enxergar por um longo tempo, mas no fim você terá o prazer de saber que não é apenas mais um no meio da multidão. Não é mais um que dança conforme a música;
  • Nada compra a sua paz;
  • Seja você mesmo! Clichê, mas é verdade. Vestir uma calça número 36, sendo que seu manequim é 42, é uma tarefa deveras difícil de se cumprir! (claro, apenas uma analogia);
  • Controle suas emoções. Não se apaixone por ninguém antes de conhecê-la muito bem. Especialmente, conheça a opção sexual do outro.. surpresas acontecem às vezes..;
  • Diga "não" quando você quiser dizer não! Faça mais coisas que você QUER fazer do que as que você TEM que fazer;
  • Parar de julgar as pessoas pela aparência é o primeiro passo para construir grandes amizades! Às vezes aquele garoto lindo que você conheceu há três anos, era APENAS lindo mesmo. Sim, inteligência, senso de humor, bondade, responsabilidade, sutileza..são características fundamentais em certas relações, e a beleza é realmente superficial e passageira para servir de critério para ter alguém do seu lado, seja como amigo ou qualquer outra coisa...fora que tem alguns que nem bonitos são, aí que fod* tudo mesmo;
  • Alimente-se bem: anemia não é exterminada com uma vacina, e se seu sistema imunológico estiver baixo, uma simples chuvinha às seis da tarde de uma quinta-feira, pode te deixar de cama por um mês;
  • Pessoas são cruéis às vezes, e você também é uma pessoa, logo, é cruel de vez em quando também! Perdão é fundamental (lição difícil);
  • Você tem irmão? Eu sei, temos vontade de matá-los! Mas não faça, por seus pais pelo menos..;
  • Ouvir música que não tem um selinho "gospel" não é pecado!
  • Liberte-se do que te dizem ser certo (inclusive disso aqui)! Vá atrás do que é certo de verdade, e aquilo que for conveniente apenas a uma instituição, não faça;
  • Nunca, JAMAIS, entre num elevador lotado de gente gorda¬¬ Não é preconceito, é fato: ele pára! ;
  • Se você ver uma pessoa vestida com um uniforme de detenta de alguma clínica psiquiátrica, vá para o lado oposto que ela está indo! Finja que não viu, e NÃO FOTOGRAFE!! Vai por mim, é bem melhor..;
  • Nunca espere ninguém dentro de um carro, às 2 e pouco da manhã, num bairro cabuloso: podem confundir o motorista com um cara qualquer e quererem matá-lo! Sei lá, pode acontecer também..;
  • Não beba meia garrafa de cachaça, de procedência duvidosa, de uma vez! Aliás, se for beber, beba alguma coisa que preste e com moderação..;
  • Nunca beba de estômago vazio..;
  • Bebeu demais e não pára de vomitar? Dramim;
  • Sabe aquele seu tênis branco? Nunca use-o numa PVT¬¬' ;
  • Deixe o seu cabelo crescer até a cintura pelo menos uma vez na vida!;
  • Vai fazer merda? Que seja bem feita e tenham fotos para que você recorde das histórias e conte aos seus netos que você viveu!;
  • Viva enquanto há tempo! E quando a morte chegar para os que estão perto de você, chore, fique triste, xingue por uma hora, vale até abraçar o cadáver! Mas lembre-se: o tempo acabou! Você já teve a sua chance de aproveitar a vida do lado daquele ser. Acabou. Ficarão as recordações. É você que vai ditar, enquanto houver tempo, se as recordações serão boas ou más;
  • Tenha depressão ao menos um vez na vida! kkkkkkk (brincadeira);
  • Acredite: quando está tudo ruim, pode piorar! Então, não reclame (eu tenho o direito de ser hipócrita?)! ;
  • Aprenda! Sobre música, livros, sapatos, comidas, desenhos..pessoas! Aprenda;
  • Nunca teremos tudo, mas não custa nada ir à luta na humildade..hhahahaha;
  • Não misture brigadeiro, pipoca e refri: algumas pessoas são alérgicas à misturas mirabolantes. Ah, e se você é alérgico a pimenta, não coma! Não adianta, você sempre vai passar mal..;
  • A felicidade, assim como a tristeza, é apenas um estado de espírito. Busque viver. E se puder se sentir feliz, ótimo! Não adie sua vida esperando comprar o produto felicidade na prateleira de alguma loja cara demais pro seu bolso;
Quando você chegar nessa linha, provavelmente, não lembrará da primeira lição (se lembrar me fala, porque nem eu lembro). Tudo bem. Mas, guarde isso: na decepção, raiva, ódio, quando der tudo errado e você estiver só (não é apenas uma sensação, em certos momentos estamos realmente sozinhos) e sem esperança, só Deus vai estar do seu lado. Não, não é picaretagem. Mesmo que você não sinta, mesmo que não acredite, mesmo que não queira: Ele vai estar sempre lá (fazer o que? É a regra dos onipresentes).

E foi assim: tudo começou com o fim de coisas que pareciam ser eternas. O ano seguiu com começos e promessas do típico "pra sempre", que não duraram mais de três ou quatro meses cada um. Promessas..odeio promessas... Foi tudo assim: um eterno finito de acontecimentos. Longos dias desejando não acordar para ver outros dias. Perguntas como "este é o fim do poço?", nem faziam mais sentido, porque as coisas ruins não tinham fim. E, por falar em sentido, perdi as contas de quantas vezes me afoguei dentro de mim mesma e me despi de tudo o que acreditava para buscar novas convicções. Foi o ano que tudo que tinha para dar errado, deu errado! Fiquei sem chão. Tudo o que eu tinha era uma imagem refletida num espelho que eu queria apagar. Novamente era apenas eu contra eu mesma! E no fim de tudo, se tudo tivesse dado certo, teria dado tudo errado!! Foi por ter dado tudo errado que ponderei, refleti, discuti, saí da bolha e mudei...cresci(?).

7 comentários:

Anônimo disse...

Fiquei realmente feliz em conhecer o seu blog, Lêtícia, vulgo tampinha =P, tendo, logo de cara, a oportunidade de ver-lhe abrindo o coração dessa maneira. Poucos textos saem tão bons quanto esses, sobretudo quando se tem, assim como você, a coragem de ser sincero.

Espero sinceramente que as lembranças que você omitiu, falo das boas, estejam tão presentes em sua memória quanto essas que decidiu compartilhar conosco... a vida é uma linha em que os acontecimentos se sucedem e entrecortam. Depende de nós saber quais desses acontecimentos, mais do que nos moldar - pois todos moldam -, estarão presentes em nossos papos, na base de nossos planos e projetos, nos objetivos de nossa vida. Se os bons ou os maus. ;)

(...)


Vc falou da onipresença de Deus,e me fez lembrar dum trecho do André Conte-Sponville, em que diz: “O que é este mundo... senão a ausência de Deus, sua retirada, sua distância (a que chamamos espaço), sua espera (a que chamamos tempo), sua marca (a que chamamos beleza)?

Deus só pôde criar o mundo retirando-se dele (senão só haveria Deus); ou, se nele se mantém (de outro modo não haveria absolutamente nada, nem mesmo o mundo), é sob a forma da ausência, do segredo, da retirada, como a pegada deixada na areia, na maré baixa, por um passeante desaparecido, única a atestar, mas por um vazio, sua existência e seu desaparecimento…"

Esse trecho que considero extremamente lindo e sugestivo, trabalha a questão de que, muito embora, não haja lugar em que Deus não esteja, como bem diz o salmista no salmo 139; o mundo, tal qual é, afirma outras existências dentro das quais descobrimos a nós mesmos, bem como ao próximo. É nosso campo de ação, onde percebemos a importância da comunhão, da comunidade, da amizade, do carinho, dos puxões de orelha, enfim, dos relacionamentos.. há outras companhias que vc deve conquistar e permitir que lhe conquistem, dentre as quais, destaco a Igreja: comunidade dos santos!

Que esse ano traga as coisas boas que as dificuldades do último ano levaram.. =)

*adorei seu blog, de coração!

Silvio, seu manin...

bjbjbj

a gente se vê por aqui!

Raiane disse...

Floreee, gostei do seu texto, e como disse seu amigo do outro comentário vc foi muito sincera, qualidade que admiro de verdade nas pessoas. Mas a um tempo tenho percebido que apesar de uma BELA qualidade nem sempre ela cabe em todos os lugares, mas não é isso que quero dizer, afinal se há um lugar que cabe bem sua sinceridade, esse lugar é SEU blog. Porém a sinceridade abre uma porta pra que as outras pessoas sejam sinceras também, o que é bem interessante. Enfim, isso foi pra parabenizar vc pela SINCERIDADE, então em 2010 brindemos nós duas a nossa tão louvável qualidade.

Vejo que fez bem sua restrospectiva. Lembrou até da virada do ano passado. Concordo que estavamos ali lutando por um objetivo que não sabiamos qual era, mas se formos parar pra pensar, é sempre muito fácil JUSTIFICAR atitudes nossa pela atitude ou a falta dela nas pessoas, dificil é sermos sinceros conosco e admitirmos que os errados éramos nós. E o nosso erro não foi dos piores, mas nos mais perigosos, DEPENDER DAS PESSOAS, esperar que elas façam, sejam, falem, ajam, e assim ficamos inertes e cada vez mais propcios aos nossos próprios julgamentos, julgamentos esses que só destróem a nós mesmos, tenho descoberto isso, porque quem julgamos e esperamos que CERTA ATITUDE continuam vivendo suas vidas independentes de nós, e nós, abandonamos nossa fé, nossos princípios, nossas convicções, nossas verdades (A VERDADE), nosso amor e inclusive a nós mesmos, nos meio de tantos olhos e dedos que apontamos pros outros desistimos de nós mesmos, desistimos de viver e lutar... não pelo que os outros nos dizem pra lutar, mas por aquilo que ACREDITAMOS. E no meio de nós mesmos e cheios de nós mesmos perdemos o que mais importa O AMOR E TEMOR A DEUS, e até pra isso achamos justificativas, e o detalhe é que sempre por causa de outros, e tentamos acar desculpas dentro da nossa cabeça pra tudo que fazemos, pra dizer que o que fazemos é certo ou não é errado, mas no fundo sabemos A VERDADE. E é dela que, na verdade, fugimos.
Enfim amiga, 2009 não foi um ano fácil pra ninguém (pelo não pros que conheço), foi um ano pesado, de dúvidas, questionamentos, de revelações, de máscaras, de tristeza, de despedidas, de abandonos... foi um ano ruim, mas o que vai decidir se mudamos pra melhor ou pra pior vão ser os resultados das atitudes que tivemos diante de cada momento de 2009. Realmente MUDAR faz bem, mas o que importa não é somente o MUDAR, mas sim pra onde vc mudou. Os porquês de nada valem, o que é importante são os resultados. E o grande resultado será quando estivermos cara a cara com o ONIPRESENTE, o que ele te dizer será o resultados de todas as mudanças que vc fez na vida. E aí o que será que ele nos dirá??
É nisso que tenho pensado cada vez que decido MUDAR.
Enfim, não é uma crítica do seu texto, mas uma opinião, que nã precisa ser levada a sério, se não quiser.

* Gosto muito de tu, e me identifico também, por isso que digo essas coisas..kkkkk
bjim =*

Pastoragente disse...

Graça e paz!
Vim conhecer seu Blog e quero te parabenizar pela bênção que pude ver aqui.
Já estou seguindo.
Venha dar a honra de sua visita no PASTORAGENTE.BLOGSPOT.COM e, se quiser seguí-lo, vai ser uma alegria para mim.
Lá eu exponho da forma mais realista e divertida possível as situações, dúvidas e experiências de uma simples pastora como eu.
Fique na paz e um 2010 abençoado para você e toda sua família.
Abração!!!

___Maio___ disse...

é assustador o jeito que as coisas que acontecem com você, acontecem também comigo!!!

Tarja Preta disse...

Bom, tem uma coisa que aconteceu cmg que eu sei que não aconteceu com vc: eu gostei de uma cara q era gay. E depois de um amigo, que era a paixão desse cara gay... eh..ESPERO que não tenha acontecido com vc..rs
E, sim, me surpreende muito tb...só não sei se é bom ou ruim.

___Maio___ disse...

hahaha tive uma crise de riso quando li isso que você contou...tá sentada??? hahaha eu tenho uma história parecida, eu fiquei duas semanas conversando com uma menina que tinha conhecido numa boate, tudo por msn e telefone, aí já marcou, e tal, rolou...a gente ficou numa sexta e num sábado!!! No domingo fui num bar assistir um jogo (ao invés de estar na igreja) e quem eu encontro? A menina, sentada no colo de outra menina (até aí tudo bem), só que, elas estavam com uma certa intimidade, ela veio falar comigo, depois voltou para a menina, 10 minutos se passaram e elas se beijaram...hahaha tragédia total

Tarja Preta disse...

kkkkkkkkkkkkkkk
Isso seria triste se eu não tivesse imaginado a sua cara vendo a cena! asidjasijdiasjdiasjd
Bom, no meu caso, eu nunca vi ele pegando ninguém..menos mal! haha (só fiquei sabendo dos casos, e foram mais que só beijinhos..enfim, triste)

rs